Como Funciona o Super Simples

Compartilhe:

24como funciona o super simples

Neste artigo você vai saber como funciona o Super Simples.

Você sabia que, a algum tempo, os novos empreendedores brasileiros têm mais uma alternativa para enquadrarem os seus negócios? Essa alternativa é o Super Simples! Ele é uma evolução do Simples Nacional, aquele que desburocratizou os pagamentos e o gerenciamento das empresas. Este artigo foi escrito justamente para ajudar você a entender como funciona o Super Simples, pois identificamos que esta é uma pergunta que muita gente faz, principalmente os empreendedores que querem montar o seu próprio negócio.

Vamos então ver como funciona o Super Simples .

A Nova Lei e o Enquadramento das Empresas

Muitos benefícios que eram esperados a muito tempo, finalmente entraram em vigor, como por exemplo aquele que estabelece que o porte e o faturamento das empresas é o principal fator para adesão e não mais o tipo da atividade que a empresa exerce. Assim, os profissionais liberais, como advogados, corretores, médicos e muitos outros prestadores de serviço, terão reduzidas a burocracia e também a carga de tributos, sempre dependendo do total de faturamento. A troca dos tributos também sofreu regulamentação no que diz respeito para as micro-empresas e para as empresas de pequeno porte.

Menos Burocracia na Abertura de Novos Negócios

Com essa nova lei, diminuiu o tempo médio para abertura e regularização de uma empresa no Brasil. em nossas pesquisas, verificamos que o tempo médio de abertura de uma empresa éra de mais de cem dias ! Com o lançamento do Super Simples, este tempo médio diminuiu para 5 dias apenas. Isso significa que na prática, o empresário não precisa mais ficar tanto tempo esperando para começar a trabalhar.

Leia também:  Como Ganhar Dinheiro em Casa - Idéias de Negócios Lucrativos

É lógico que ninguém vai abrir um negócio pensando em fecha-lo no futuro, mas o tempo de fechamento de uma empresa também diminuiu. Isto significa que temos quantidade menor de CNPJs – Cadastro Nacional de Pessoas Jurídicas, pois as empresas inativas também geravam burocracia. Dessa forma, até a frequência de golpes praticados usando empresas inativas estão diminuindo, e o resultados dessas ações é que todos passam a ganhar com estas medidas.

Como Fazer a Opção pelo Super Simples

A partir do início do ano de 2015, já é possível escolher o Super Simples como o regime de tributação para empresas. Para os negócios antigos, a escolha deve acontecer até o final do mês de Janeiro. Para os negócios novos, a opção pelo Super Simples pode ser feita no momento da abertura.

Se você já tem uma empresa e ainda não fez a opção para o Super Simples, não se preocupe, pois isto  poderá ser feita até o final do mês de Janeiro do próximo ano.

Essa opção pode ser feita pela internet, no ambiente virtual criado pela Receita Federal, clicando aqui. Uma das vantagens é a diminuição da burocracia, porque os impostos passam a ser recolhidos com a emissão de apenas um único boleto. Já para o segmento de prestação de serviços, a redução dos impostos depende da quantidade de funcionários.

Nós aconselhamos você a procurar um contador de confiança para verificar se, no caso da sua empresa, será mais vantajoso optar pelo Super Simples, pois um contador experiente é o profissional melhor capacitado para te orientar nessa questão.

Quem Não Pode Usar o Super Simples

Der forma geral, a regra básica diz que as empresas com faturamento menor que R$3,6 milhões poderão optar pelo Super Simples, mas há algumas exceções, dependendo do Estado em que a sua empresa será criada, isto devido ao ICMS, que é um imposto estadual.

Leia também:  Como Fazer um Lançamento de Produto Com Sucesso

Podemos citar como exemplo, caso sua empresa for criada no Estado do Acre, no Amapá, em Rondônia ou em Roraima, esse limite é de R$ 1,8 milhões, ou seja, 50% do original. Se ela está no Estado de Alagoas, Maranhão, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, no Pará, no Piauí ou no Estado de  Tocantins, o limite de faturamento é de R$ 2,52 milhões.

Para todos os demais Estados, o limite é de R$ 3,6 milhões. Esta regra já facilita muito o caminho de quem quer saber como funciona o Super Simples.

Em tese, estas são as informações que você precisa para começar a pensar em montar o seu próprio negócio, tendo como opção um modelo de tributação que pode te trazer vantagens e facilitar a sua escalada como empreendedor. Não se esqueça de também consultar seu contador no momento de colocar em prática todo o seu plano, OK ?

Se quiser saber mais sobre outros modelos de tributação, clique aqui.

Desejamos sucesso para você nessa empreitada !

Compartilhe: